Inteligência se aprende e não é determinada pela genética; Todo ser humano é capaz de aprender e ter consciência da própria aprendizagem; A escola promove o desenvolvimento do raciocínio e estimula o pensamento criativo; A escola incentiva a construção de autonomia intelectual e moral, inseparáveis e necessárias para construir uma ética para a vida; As pessoas constroem conhecimento na interação com o mundo; O acesso às tecnologias contemporâneas é um direito e uma condição para a vida no século 21; Aprender é estabelecer relações entre saberes; O conhecimento se constitui em grupo, na discussão e na crítica; O respeito pelos outros, a empatia, a solidariedade e a aceitação das diferenças são valores fundamentais para a vida em sociedade; Todas as pessoas têm o direito de viver bem e são responsáveis pela vida no planeta.
Notícias

A partir de 2018, Escola Parque oferece contato diário com o Inglês, a partir de 1 ano de idade

Na Educação Infantil, os Alunos terão contato com a língua inglesa, pelo menos 1 hora por dia.

Em 2018, a Escola Parque aprimora seu projeto pedagógico e passa a oferecer aos seus alunos um contato diário com o Inglês, a partir de 1 ano de idade.

Na Educação Infantil, os Alunos terão contato com a língua inglesa, pelo menos 1 hora por dia, nos cinco dias da semana, em diversas atividades curriculares, como: Literatura, Artes, Música, Makers, entre outros, com dupla regência.

No Ensino Fundamental 1, os Alunos também terão contato com a língua inglesa, pelo menos 1 hora por dia, cinco dias da semana, alternando aulas curriculares e projetos de aprendizado.

O projeto se estende ao Ensino Fundamental 2 em 2019. Os Alunos optam por Inglês ou Francês. Aqueles que optarem por Inglês, no 7º ano, estarão capacitados para fazer o exameKey English Test (KET) e, no 9º, prestarão o Preliminary English Test (PET), ambos de Cambridge. “A experiência da criança com a língua estrangeira é pulsante. Para ela, importa a linguagem, a comunicação de ideias e as versões de mundo que são construídas ludicamente: nos jogos, nas brincadeiras, nas histórias. Ela não a intimida; pelo contrário, é um convite diário a novas descobertas e desafios. É uma experiência vivida com o outro, na interação com ele, verbal, corporal,sensorial e cognitiva. À criança, interessam os sons, as palavras, a possibilidade de adentrar outros mundos. Tudo nela é sentido, significado e ação. A língua estrangeira é apenas mais uma ferramenta a seu dispor”, explica Sonia Isabel Fabris, Orientadora de Língua Inglesa da Escola Parque.


Conheça o novo projeto, por Isabel Fabris, Orientadora de Língua Inglesa da Escola Parque




Compartilhar

Facebook